Home / Saúde e Saneamento / Secretária de saúde vai intensificar a fiscalização de pátios, em busca de larvas do mosquito Aedes Aegypti.

Secretária de saúde vai intensificar a fiscalização de pátios, em busca de larvas do mosquito Aedes Aegypti.

Inhacorá, registrou, nos últimos 2 meses, um aumento alarmante no número de focos de larvas do mosquito Aedes Aegypti, vetor de doenças como dengue, febre amarela, chikungunya e zika vírus.

Os dados foram apresentados pelo Departamento Municipal de Vigilância Epidemiológica, na manhã desta segunda feira (08). Segundo a Vigilância Epidemiológica Municipal, o número de 2019 já ultrapassa o total de focos registrados durante todo o ano de 2018, e chegaram a 9,7% quando em 2018 eram de 3,7% no índice predial.

Para evitar o aumento dos focos, a Secretaria Municipal de Saúde, juntamente com outros órgãos públicos e entidades, está intensificando as ações preventivas, a partir do dia 10 de julho quando fará um mutirão por todos os bairros da cidade. A ação começará neste dia pela rua Paulo Cadore até a rótula, e deve se repetir até cobrir toda a cidade. Serão recolhidos todos os recipientes descartados que possam reter água. A fiscalização também irá abranger pátios e residências.

 

Os focos são situações em que o mosquito ou a larva são encontrados nas fiscalizações promovidas pelos agentes de endemias.

“Não deveríamos estar fazendo esses mutirões, porque cada pessoa deve ser responsável pelo lixo que produz em seu terreno e dar o destino final embalando da forma correta. Vamos cada um procurar fazer a sua parte para evitar a proliferação de novos focos do mosquito”, salientou o prefeito Everaldo.

 

As atividades de fiscalização são feitas pelos agentes de saúde e agentes de endemias. As ações deveriam ser intensificadas com a proximidade do verão, quando o cuidado com o mosquito Aedes Aegypti precisa ser ainda maior, já que ele se reproduz mais rapidamente nesta época. Mas com a recente constatação esse mutirão será antecipado.

A principal dica aos moradores é evitar água parada em qualquer recipiente.

Mais dicas para evitar a proliferação do mosquito:

Coloque areia no prato das plantas ou troque a água uma vez por semana. Mas não basta esvaziar o recipiente. É preciso esfregá-lo, para retirar os ovos do mosquito depositados na superfície da parede interna, pouco acima do nível da água. O mesmo vale para qualquer recipiente com água.

Pneus velhos devem ser furados e guardados com cobertura ou recolhidos pela limpeza pública.

Garrafas pet e outros recipientes vazios também devem ser entregues à limpeza pública.

Vasos e baldes vazios devem ser colocados de boca para baixo.

Limpe diariamente as cubas de bebedouros de água mineral e de água comum.

Seque as áreas que acumulem águas de chuva.

Tampe as caixas d’água.

 

 

Check Also

Inhacorá segue sem casos suspeitos de Corona vírus.

Na atualização do Boletim Epidemiológico desta semana (sexta-feira 03 de abril) a secretaria de saúde …